PUBLICIDADE


Para se adequarem ao Decreto Estadual que restringe o comércio e o consumo de bebidas alcoólicas em locais de uso público ou coletivo, como bares e restaurantes, os municípios estão emitindo decretos próprios. Para terem efeito e não sofrerem punição de órgãos fiscalizadores, eles precisam cumprir na íntegra ou podem restringir ainda mais o decreto do Estado.

Em Cristianópolis, vale a decisão do Governo de Goiás. O município proibiu, a partir desta segunda-feira (1º), a venda de bebidas alcoólicas das 22h às 6h. Os locais podem continuar abertos de acordo com o horário de funcionamento de cada um. Todos precisam cumprir as regras sanitárias adotadas desde o início da pandemia.

"Lembrando que quem descumprir a decisão está sujeito à multa, interdição do estabelecimento e cancelamento do alvará de funcionamento. Se todos nós fizermos nossa parte, muito em breve vamos estar livres desse vírus", destaca a prefeitura.

Poste um comentário