PUBLICIDADE


O gás de cozinha subiu de novo. O produto pode ser encontrado por até R$ 110 em alguns municípios goianos. A alta, de acordo com a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), chegou a 4,3% nas últimas quatro semanas.

Pesquisa feita pelo Portal GO 020 nos municípios da Região da Estrada de Ferro mostrou uma variação de até 15% no preço do produto. Em alguns supermercados de Bela Vista de Goiás, Cristianópolis, Pires do Rio e São Miguel do Passa Quatro, o valor mais barato do gás de cozinha encontrado foi de R$95. O local mais caro vende o produto por R$110.

Na média do País, o gás de cozinha custa R$ 88,94, quase 10% do salário mínimo. Além de aumenta pela agência federal, o botijão de gás também teve elevação de tributos estaduais em 12 estados e no Distrito Federal, o chamado ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação).

Poste um comentário