PUBLICIDADE


Greve anunciada pelo Sindicato dos Trabalhadores no Transporte Coletivo (SINDICOLETIVO) foi suspensa após reunião com o Sindicato das Empresas de Transporte Público e Passageiros de Goiânia e Região metropolitana (SET).

Com a reunião, que foi mediada pelo Tribunal Regional do Trabalho de Goiás, as empresas concordaram em conceder um reajuste salarial de 3,75% a partir de 2021, além de conceder a reposição de 5% no valor do ticket alimentação.

A decisão da suspensão da greve ocorreu durante uma assembleia na porta do Tribunal, feita pelos filiados ao SINDICOLETIVO. Mesmo assim os motoristas insistem no direito de receber as diferenças salariais retroativas a março deste ano.

A conversa irá continuar na quinta-feira (12), e deve concluir a negociação das partes.

Poste um comentário