PUBLICIDADE


Pelo menos oito município do Estado de Goiás, conforme apurou o site de informações G1, criaram decretos para impedir a entrada de visitantes nos municípios. São os casos das cidades de Caçu, Itumbiara, Corumbaíba, Niquelândia, Pirenópolis, Caldas Novas, Silvânia e Mineiros. Segundo o G1, alguns prefeitos chegaram a bloquear pontes e criaram barreiras para fechar os acessos às cidades.

A medida, no entanto, é inconstitucional, de acordo com o Ministério Público. O procurador-geral de Justiça de Goiás, Aylton Flávio, infirmou que, mesmo em decreto, o direito do cidadão de ir e vir segue garantido na Constituição. "É preciso que haja sempre a razoabilidade, é preciso que haja o bom senso", disse.

--
Foto: Divulgação/TV Anhanguera