PUBLICIDADE


Maycon Sullyvan Alves, de 27 anos, foi preso na madrugada desta terça-feira (23) suspeito de matar a facadas o bisavô da namorada, de 83 anos, em uma fazenda de Senador Canedo. Segundo a Polícia Civil (PC), Além de esfaquear o idoso, o suspeito também feriu a avó e uma tia da namorada.

De acordo com a PC, Maycon morava com a namorada, de 15 anos, e a mãe dela há apenas dois meses em uma casa que fica na Fazenda Bom Sucesso, em Senador Canedo. No mesmo local, só que na casa principal da fazenda, mora a avó da adolescente e uma tia. O Bisavô estava a passeio no local.

Na noite desta segunda-feira (22), o detido chegou bêbado na fazenda, segurando uma garrafa de pinga. De acordo com o registro do flagrante, ele pegou uma faca na cozinha da casa e disse que a arma era boa para matar vaca. Posteriormente, ele alegou que mataria todos da família. O homem se direcionou até a sede da fazenda e começou a bater na porta. No local, o bisavô da adolescente, Geraldo Mariano, 83 anos, foi esfaqueado no tórax e morreu na hora. Durante a ação, a avó da menina e uma tia dela, de 56 e 25 anos, respectivamente, tentaram conter o suspeito e também ficaram feridas. A Avó sofreu ferimentos nas costas. Já a tia sofreu ferimentos graves no rosto.

As vítimas  foram levadas para o Cais Amendoeiras e, posteriormente, foram transferidas para o Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo). Em nota, o hospital informa que a tia da garota foi atendida na unidade e recebeu alta hospitalar na madrugada desta terça-feira (23). Já a avó, continua internada com quadro estável. Ela está consciente e respira de forma espontânea.

Após o crime, Maycon fugiu. Os policiais foram até a casa dos pais do suspeito, que moram próximo da fazenda, e perguntaram pelo rapaz. Inicialmente, o pai de Maycon alegou que não sabia do paradeiro do filho, mas depois confessou que havia levado o rapaz para a casa de um primo.

A PM realizou buscas e conseguiu localizar o suspeito na casa do parente no Setor Recanto das Minas Gerais, em Goiânia. Ele então foi preso e levado para a Delegacia de Senador Canedo.

--
Fonte: Mais Goiás