Publicidade 728x90

Trecho urbano do Anel Viário em Aparecida sofrerá intervenção; entenda


Para promover um trânsito mais seguro e melhorar as condições de estrutura e fluidez para condutores e pedestres, a Prefeitura de Aparecida de Goiânia e Departamento Nacional de Infraestrutura e Transporte (DNIT) firmaram convênio de cooperação para adequar trecho do Anel Viário (BR-060) que liga a BR-153 a GO-040, na região do Garavelo e municipalizá-lo a partir de 2021. As mudanças previstas foram discutidas com a Prefeitura, que apresentou as necessidades de adequações em relação ao fluxo urbano da pista federal.

Na última quinta-feira, 2, o secretário de Mobilidade e Defesa Social, Luziano Costa Vale, o secretário-chefe da Casa Civil, Afonso Boaventura, e o analista de Infraestrutura do Dnit, Fernando de Souza Lopes, estiveram em um dos pontos da rodovia que receberá intervenção estruturante e de sinalização, próximo ao setor Cidade Vera Cruz. Segundo eles, a execução do serviço seguirá um cronograma de melhorias que terá início em setembro. Durante a visita, Luziano destacou que uma das intervenções será a implantação de redutores de velocidade.

“Essa parceria entre Prefeitura e Dnit trará maior mobilidade e segurança no trânsito neste trecho da via, que liga a BR153 a GO-040. Devido ao fluxo intenso, as mudanças propostas vão facilitar o tráfego para condutores e pedestres e ainda reduzir os indicativos de acidentes. Sob a responsabilidade do município ficaram definidas as melhorias e intervenções nas ruas que dão acesso ao anel viário e a implantação de redutores de velocidade. E em 2021 voltaremos à discussão da municipalização da via”, salientou Luziano.

Pelo convênio de cooperação, que terá duração de três anos, as intervenções estruturantes continuarão sob responsabilidade do Dnit. “Pelo órgão, serão executados os serviço de conservação, limpeza, manutenção e os que foram solicitados pela prefeitura como alteração de pontos de retorno, executação de uma rotatória – que ajudará na aceleração e desacelação – recapeamento e obras rodoviárias estruturais”, explicou o analista de Infraestrutura do Dnit, Fernando Souza.

Outro ponto acordado na parceria, fica sob responsabilidade da administração municipal a implantação de ações operacionais no Anel Viário, como estudo e pintura de faixa de pedrestre e lombadas eletrônicas. “A execução de sinalização como um todo está previsto no contrato do Dnit, mas medidas pontuais que forem surgindo ao longo do tempo está a cargo do município. Isto significa que prefeitura ou o órgão federal podem executar o serviço, dando preferência para o órgão que executá-lo em menor tempo”, explicou o analista do Dnit.

O vereador Arnaldo Leite (MDB), que mora na região e que foi um dos idealizadores para municipalização da via, comemora a parceria entre os órgãos municipal e federal, que segundo ele, trará maiores benefícios para a população. “Essa intervenção aqui próximo à Feira Coberta e o Hospital Municipal no Cidade Vera Cruz é uma necessidade em virtude do número de acidentes, trânsito pesado e presença de escolas e comércios nesse trecho. Além disso, os serviços que serão executados atenderão uma necessidade da região e dará condições favoráveis e estruturais para o trânsito”.

Fonte: Secom Aparecida | Foto: Enio Medeiros