PUBLICIDADE


Com a operação Cota Extra, que apura possíveis desvios de recursos públicos na prefeitura de Cristianópolis, a desembargadora Carmency Rosa Maria Alves de Oliveira determinou o afastamento do prefeito Jairinho (PSB) por 90 dias. Segundo a decisão, o agente público deve ficar suspenso do exercício das funções enquanto o caso está sendo investigado.

A decisão judicial foi encaminhada ao vice-prefeito da cidade, Edmar Borges Ribeiro, que já assumiu o cargo nesta quinta-feira, 31. Edmar assume imediatamente sem precisar ser empossado pela Câmara de Vereadores, porque se trata de uma ordem judicial.

Também seguem afastados dos cargos, os secretários Santiago Castro (Obras), Dario Fonseca (Administração) e a primeira-dama Leandra Cristina (Saúde).