Cadela Vênus, que atuou no regaste em Brumadinho, morre e será cremada na próxima semana em Goiânia


A cadela Vênus, que atuou no regaste em Brumadinho, morreu na noite da última segunda-feira (22), em Goiânia. O animal teve complicações após um parto, em que apresentou hemorragia interna e parada cardiorrespiratória. Os médicos do Hospital Veterinário da Universidade Federal de Goiás (UFG) tentaram reverter o quadro, mas a cadela não resistiu.

O último adeus à cadela está previsto para a próxima semana. A cerimônia de despedida deve ocorrer na segunda-feira, (29), no Pet Vale do Cerrado, no Conjunto Vera Cruz, em Goiânia. Vênus  será cremada.

Mas apesar da morte de Vênus, os filhotes estão bem e ganharam uma “ama-de-leite” nesta terça-feira (23), em Goiânia. A cadela Hannah, da raça Husky Siberiano, aceitou amamentar os três nenéns. Hannah é do cabo Oliveira, um militar da corporação. 



Hannah foi a primeira testada para ser “ama-de-leite” dos filhotes, duas fêmeas e um macho, que ainda não têm nome. Ela não integra a corporação, mas foi cedida para alimentar os recém-nascidos. A cadela, que recentemente teve oito filhotes, está aos cuidados do Corpo de Bombeiros e recebe acompanhamento veterinário enquanto amamenta os cães.

--
Foto: Corpo de Bombeiros