Aparecida determina que estabelecimentos comerciais tenham câmeras de segurança


A partir desta segunda-feira (1°) estabelecimentos comerciais de Aparecida de Goiânia terão que instalar câmeras de segurança. A determinação veio com a sanção da Lei Municipal n° 3.462, pelo prefeito Gustavo Mendanha (MDB). A ação visa reduzir ocorrências de crimes, colaborar na investigação de delitos e promover a maior segurança aos moradores do município.

A instalação do circuito de monitoramento é obrigatória para bares, distribuidoras de bebidas, supermercados, postos de combustíveis, boates e similares que comercializam bebidas alcoólicas. O prazo para a instalação das câmeras é de 30 dias, mas caso não seja cumprido, o estabelecimento poderá ser advertido, multado, suspenso e até perder o alvará de funcionamento.

Além disso, o videomonitoramento servirá também para ajudar as forças policiais na elucidação de crimes. De acordo com dados da Secretaria da Fazenda, Aparecida conta, atualmente, com 1.074 estabelecimentos especializados em servir bebidas; 1.870 comércios varejistas de bebidas e 35 atacadistas; 162 discotecas e casas de eventos e 139 postos de combustíveis.

O prefeito Gustavo Mendanha informou que, por meio do projeto Cidade Inteligente, deve ser adquirido 600 câmeras com olhos de águia com reconhecimento facial para ajudar na segurança e na fiscalização de trânsito.

--
Fonte: Secom Aparecida de Goiânia
Foto: Rodrigo Estrela